quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

O MELHOR DE 2008 - DVDs NACIONAIS

O ano de 2008 marcou a popularização definitiva do DVD. Até mesmo artistas independentes e pequenos selos passaram a se utilizar dessa mídia em larga escala, fato que deve se repetir no próximo ano. Para mim os destaques foram Maria Rita, que finalmente se libertou do estigma da hereditariedade, Mônica Salmaso, livre, leve e solta, Olivia Hime, com um espetáculo emocionante, Silvia Machete e seu bom humor escrachado e o mestre Tom Jobim, em especial da TV Globo.

MARIA RITA MARIA RITA - Samba Meu (Warner) - Quando Maria Rita anunciou no início de 2007 que lançaria um disco de samba, muita gente torceu o nariz. A cantora vinha de um álbum produzido por Lenine que não chegara perto, em termos de qualidade, do trabalho de estréia. Outra dúvida dizia respeito ao fato dela se livrar de uma vez por todas das comparações com a mãe. Pois em Samba Meu, o disco, ela começou a dar provas disso, mas no DVD, gravado no Vivo Rio, a moça se superou. Mostrando vitalidade, charme e descontração mas sem se descuidar da técnica, Maria Rita desfila repertório de sambas, vários de Arlindo Cruz, e canções dos dois primeiros discos. O público foi ao delírio e a turnê que gerou o DVD teve êxito absoluto.

Site Oficial: www.maria-rita.com

Link para a postagem original: http://blogacordes.blogspot.com/2008/09/senhora-do-palco.html

MONICA SALMASO MÔNICA SALMASO - Noites de Gala, Samba na Rua (Biscoito Fino) - Muito se falou a respeito da 'cintura dura' de Mônica Salmaso. Alguns diziam que ela era só técnica, sem nenhuma emoção. Eu mesmo cheguei a escrever isso. Mas em seu primeiro DVD, a cantora se mostra outra. Gravado ao vivo no Teatro Fecap (SP), traz no repertório basicamente canções do CD Noites de Gala, Samba na Rua, todas de Chico Buarque. Acompanhada pelo grupo Pau Brasil, Mônica mostra leveza, graça, delicadeza e descontração. A técnica se mantem suprema, mas o público tem a chance de descobrir uma performer das mais interessantes. Belíssimo trabalho.

Site Oficial: www.monicasalmaso.mus.br

Link para a postagem original: http://blogacordes.blogspot.com/2008/07/e-tcnica-encontrou-emoo.html

OLIVIA HIME OLIVIA HIME - Palavras de Guerra - Ao Vivo (Biscoito Fino) - A voz de Olivia Hime é de uma beleza sem par. Ela canta com emoção e, nos momentos certos, sabe colocar doses precisas de brejeirice. Seu primeiro DVD, gravado ao vivo no teatro do Sesc Santana (SP), tem por base o repertório do CD Palavras de Guerra, somente com canções letradas pelo moçambicano Ruy Guerra com parceiros como Chico Buarque, Francis Hime, Edu Lobo, Carlos Lyra e Sérgio Ricardo. Olivia é acompanhada por um quarteto em que se destaca a harpista Cristina Braga, que mostra também seus dotes simpatissíssimos de cantora. O próprio Ruy Guerra faz participação especial declamando textos em imagens projetadas num telão. Pura emoção.

Link para a postagem original: http://blogacordes.blogspot.com/2008/03/doces-palavras.html

SILVIA MACHETE SILVIA MACHETE - Eu Não Sou Nenhuma Santa (RWR/EMI) - A carioca Silvia Machete tem uma história bastante incomum. Largou tudo no Brasil para ir à Europa seguindo uma trupe circence. Trabalhou também como artista de rua nos Estados Unidos. Essas experiências forjaram uma personalidade artística das mais interessantes. Ela faz o que quer no palco como prova seu primeiro DVD, gravado ao vivo no Na Mata Café, Bar Geni (ambos em SP) e Mistura Fina (Rio). Silvia brinca e provoca a platéia, canta canções próprias - gostosamente safadas - e faz interessantes releituras de clássicos do Guns'n'Roses, Cyndi Lauper e Tammy Wynnette. Recebe como convidados Edu Krieger, Nina Becker, Rubinho Jacobina e Momo.

Site Oficial: www.silviamachete.com

Link para a postagem original: http://blogacordes.blogspot.com/2008/12/histrias-de-uma-mocinha-sem-vergonha.html

TOM JOBIM ANTONIO CARLOS JOBIM - Antonio Brasileiro (Globo Marcas/Jobim Biscoito Fino) - Este DVD traz, na íntegra, o histórico especial Antonio Brasileiro, que Tom Jobim gravou para a TV Globo em 1987, com direção de Roberto Talma. O Maestro Soberano interpreta canções sobre amor, natureza e defesa ecológica, além de contar histórias divertidíssimas. As imagens foram feitas no Rio de Janeiro e Nova York. Como convidados especiais, nada menos que Chico Buarque e Edu Lobo. Nos extras, o encontro de Tom com o saxofonista Gerry Mulligan em 1963 no programa Eyewitness, da rede americana CBS, em que o brasileiro ensina ao americano os fundamentos da Bossa Nova. Obrigatório em qualquer acervo.

Site Oficial: www.tomjobim.com.br

Link para a postagem original: http://blogacordes.blogspot.com/2008/07/soberana-emoo.html

2 comentários:

Luis hermano disse...

Puxa Toninho,
Como nossos gostos são diferentes! Na minha lista de melhores do ano, apenas o do Jobim entraria. Os outros quatro que Vc. listou eu, definitivamente, sequer pensaria em incluir em qualquer lista de melhores. E os da Maria Rita e da Monica iriam, sem dúvida, para a lista dos piores DVDs do ano.
Mas essa é a beleza da música. Podermos pensar diferente e sentir diferente.
Obrigado por nos encantar com suas dicas sempre precisas.
Um grande 2009para Vc.!
Abração
Luis Hermano

TONINHO SPESSOTO disse...

Essas são as delícias da liberdade de expressão e de gosto, amigo velho!
Que em 2009 possamos compartilhar muita coisa boa!
Abração!