quinta-feira, 14 de maio de 2009

ESTATUTOS DO CLUBE

CORAÇÃO AMERICANO CORAÇÃO AMERICANO  
Andréa Estanislau (organizadora)
Prax Editora

Um dos discos mais importantes da MPB, Clube da Esquina, lançado pela EMI Odeon em 1972, tem sua história analisada passo a passo através de Coração Americano, livro organizado por Andréa Estanislau. A partir de depoimentos inéditos de artistas envolvidos na produção do LP, da análise de especialistas e historiadores e da reprodução de textos publicados à época do lançamento, é possível montar um abrangente painel da importância do disco e do próprio Clube da Esquina para a música brasileira.

O surgimento de clássicos como Tudo o Que Você Podia Ser, Cais, O Trem Azul, Cravo e Canela, Um Girassol da Cor do Seu Cabelo, San Vicente e Paisagem na Janela é mostrado em detalhes. Além dos textos a obra traz detalhes técnicos das gravações, letras das canções e extenso material fotográfico. Entre os que deram depoimentos estão Ronaldo Bastos, Tavito, Márcio Borges, Wagner Tiso, Beto Guedes, Toninho Horta e Lô Borges. Edição bilíngue (português e inglês).

4 comentários:

Maria Valéria disse...

Oi Toninho,

Que bom você escrever sobre o livro Coração Americano, é uma obra linda!

Coração Americano - Livro que comemora os 35 anos do álbum Clube da Esquina (Milton Nascimento e Lô Borges, EMI-Odeon, 1972).

“Andréa Estanislau perseguiu a verdade por trás desta lenda, pisando e pesando cada passo com o rigor e o cuidado de uma montanhista. Não foram poucos os perigos a que se expôs, lidando com esta gente escorregadia e cheia de escarpas que somos eu, meus amigos aqui retratados e a entourage que cerca alguns de nós, para o bem ou para o mal. Foram anos de contatos da Andréa conosco, entrevistas, pesquisas, idas e vindas, ânimos e desânimos, tudo bem e tudo mau”(...)
Márcio Borges

"Saudemos, antes de tudo, a feliz iniciativa de Andréa. Seu livro traz um material de importância incalculável: o depoimento das pessoas envolvidas na bela aventura que foi o Clube da Esquina. A luz que daí sobressai, será guardada com zelo pelas futuras gerações”.

Chico Amaral

.

Maria Valéria disse...

.
Comunidade "CORAÇÃO AMERICANO"
http://www.orkut.com.br/Main#Community.aspx?cmm=38287634
Convido você amiga(o) querida(o), que é fã da Turma do Clube da Esquina para fazer parte da comunidade do livro de Andréa Estanislau: 'Coração Americano'.
Andréa Estanislau é autora do livro que comemora os 35 anos do álbum Clube da Esquina (Milton Nascimento e Lô Borges, EMI-Odeon, 1972).
...

Maria Valéria disse...

LIVRO "CORAÇÃO AMERICANO" VIAJA PELA PROCESSO DE CRIAÇÃO DO DISCO CLUBE DA ESQUINA

.
Os sonhos não envelhecem. Originalmente, a frase de Márcio Borges está na letra da canção "Clube da Esquina 2" e também é o título de sua biografia, mas poderia ser a tradução em palavras do que foi o processo de criação e produção de "Coração Americano - 35 anos do álbum Clube da Esquina", um projeto pessoal da designer Andrea Estanislau, que se transformou em um dos mais completos e detahados documentos sobre um dos grandes discos da história da música popular brasileira.
.
A história de "Coração Americano" começa no ano de 2001, quando Andrea apresentou o esboço do livro como projeto de conclusão de seu curso de design gráfico. A partir daí, o sonho se tornaria realidade quando a fã do Clube da Esquina de longa data decide levar adiante o projeto, inscrevendo-o em Leis de Incentivo para, alguns anos depois, captar os recursos necessários e começar a produção propriamente dita. Anteriormente planejado como uma homenagem a Milton Nascimento e o movimento capitaneado por ele, "Coração Americano" se transformou em algo mais quando centrou seu foco no primeiro disco da série, que deu origem a todo o movimento.
.
De lá para cá foram incontáveis as entrevistas, encontros com os envolvidos na confecção do disco e até mesmo com pessoas nem tão ligadas a ele intrinsecamente, mas que o tem como influência primordial em suas vidas, como o letrista Chico Amaral. A partir daí foi só juntar as peças. Enquanto o redator Rodrigo James montava a linha de tempo do que foi o processo de criação e produção do disco, Bernardo Mata Machado relembrava o contexto histórico da época, enquanto Andrea passeava por fotos e mais fotos dos acervos pessoais dos fotógrafos do Clube e do Museu do Clube da Esquina para chegar a um denominador comum. Citar as fotos inéditas de Ronaldo Gorini do período em que o disco foi produzido (Mar Azul - Niteroí/RJ).
.
Mas faltava algo, que veio sob a forma de textos especiais, escritos por alguns dos responsáveis pela parte literária do disco "Clube da Esquina": Márcio Borges, Fernando Brant e Ronaldo Bastos. Como se isto tudo não bastasse, Chico Amaral, Toninho Horta e Tavito também contribuíram para o projeto, exaltando sua importância para a música brasileira.
Assim nasceu "Coração Americano", um livro de fã para fãs da música universal de MIlton Nascimento, Lô Borges, Márcio Borges, Fernando Brant, Ronaldo Bastos e todos os demais músicos responsáveis por um trabalho reconhecido hoje como um dos dez discos mais importantes da MPB em todos os tempos. E isto não é pouco.
"Coração Americano" está à venda online no site da Livraria Cultura.
.

Paulo disse...

Esse livro é muito bacana. A Andrea Estanislau é designer e deu um maravilhoso tratamento gráfico à obra de Milton Nascimento e cia. As fotografias da época são verdadeiras relíquias e os textos são um ótimo painel daquele momento. "Clube da Esquina" é um marco da música pop brasileira, assim como os mais importantes trabalhos de Bob Dylan e Beach Boys são para a música norte-americana.